25/05 Santa Maria Madalena de Pazzi

Santa Maria Madalena de Pazzi

Ave Maria

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora da nossa morte. Amém

Santa Maria Madalena I. Óh gloriosa virgem Madalena que, desde os mais tenros anos, fazíeis a vossa delícia na união mais perfeita com o sumo Bem, na devoção mais fervorosa à nossa comum Mãe Maria, e, portanto, prováveis as austeridades mais penosas, até o ponto de dormir na terra nua, de portar constantemente o cilício, de coroar-vos com espinhos e de pedir ao Senhor de não viver que para padecer – “non mori, sed pati” – impetrai a todos nós a graça de mortificar continuamente as nossas rebeldes paixões para nos mantermos, assim, unidos ao único verdadeiro Bem, e nos assegurarmos o patrocínio daquela grande Rainha que é a depositária ou a dispensadora de todos os celestiais tesouros.

Glória ao Pai… 

II. Gloriosa virgem Madalena que, apesar de por bem duas vezes ter sido chamada de volta à vossa casa paterna, amáveis sempre de tal modo o retiro do claustro que voltáveis sem demora e o intituláveis o vosso paraíso terrestre, beijando frequentemente seus muros por gratidão; e lá, favorecida com os mais frequentes êxtases e com as mais importantes revelações(*), tivestes sempre opinião tão baixa de vós mesma que servíeis as vossas companheiras nos mais vis ofícios, e beijáveis a terra que elas pisavam; impetrai a todos nós a graça de não nos ensoberbarmos jamais por qualquer dom mais singular que nos faça o Céu, e, pelo contrário, dai-nos de nos humilhar-nos diante dos homens quanto mais formos aceitáveis diante de Deus.

Glória ao Pai… 

III. Gloriosa virgem Madalena que, consagrada de maneira especial ao amor ao Cristo Sacramentado, merecestes de ser, antes do tempo costumeiro, admitida à mesa dos Anjos, e preferistes a todos os outros a Santa Ordem Carmelita para poder comungar, segundo aquela Regra, todos os dias, e correspondestes, por esse modo, a tantos favores que vos foram concedidos pelo Sacramentado Senhor que Lhes fazíeis, constantemente com os impulsos do vosso coração, mais de trinta visitas por dia; impetrai a todos nós a graça de nos afeiçoarmos de modo especial a tão augusto Sacramento para obtermos com maior segurança os subsídios necessários em todas as necessidades de vida, e a oportuna defesa, e a consolação dos Santos nos perigos da morte.

Salve Rainha

Salve, Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! A vós bradamos, os degredados filhos de Eva; a vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia, pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei; e depois deste desterro nos mostrai Jesus, bendito fruto do vosso ventre, ó clemente, ó piedosa, ó doce sempre Virgem Maria.

Rogai por nós, santa Mãe de Deus.
R: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Ave Maria

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora da nossa morte. Amém

(clique aqui para adquirir o livro “Orações selecionadas”)

Confira também a Oração do Salmo 90 o Terço da Piedade o Terço da Caridade e o nosso canal no Youtube.

A paz de Jesus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *